EFFIK
MENOPAUSA

« Voltar

A menopausa é o período da vida da mulher que se inicia com o fim da menstruação, altura em que cessam os ciclos menstruais e ovulatórios.

O tempo de transição que antecede a menopausa é chamado de perimenopausa ou climatério. Esse momento representa a passagem da fase reprodutiva da mulher, para a não reprodutiva. Nesta altura e de forma lenta e progressiva os ovários produzem menos hormonas (estrogénios e progesterona).

Não há uma idade exata para a menopausa, sendo que varia de mulher para mulher. Em média, ocorre entre os 45 e 55 anos. Pode surgir antes de forma artificial ou espontânea, sendo denominada de menopausa precoce se surgir antes dos 40 anos. Esta associa-se a predisposição genética ou doenças auto-imunes, a tratamentos médicos (oncológicos) ou cirúrgicos. A menopausa cirúrgica ocorre após a extração dos ovários. Quando surge após os 55 anos, é designada de menopausa tardia.

A mulher pode esperar viver mais de um terço da sua vida na fase de menopausa. Existem algumas condições, como a osteoporose e as doenças cardiovasculares, que estão diretamente associadas à menopausa, enquanto outras se associam ao aumento da idade. Este período proporciona às mulheres a oportunidade de rever a sua saúde e estilos de vida e fazer mudanças que irão beneficiar o seu futuro bem-estar.
Na menopausa, os sintomas vasomotores como afrontamentos e suores nocturnos afectam 3 em cada 4 mulheres. São aflitivos, angustiantes e incapacitantes que conduzem a problemas físicos, psicológicos e interferem na vida quotidiana. 

Como parte de uma estratégia global para prevenir a doença crónica após a menopausa, a terapêutica hormonal, pode ser considerada uma alternativa dentro do arsenal terapêutico ao dispor.